Uma resposta à altura da crise

Armínio Fraga

Folha de S.Paulo, 30.5.2020


Reformas menos impactantes nos deixariam na ciclotimia medíocre de décadas.
   

Fale conosco: ceciliaheise46@gmail.com