The Political Construction of Brazil

2017. An encompassing analysis of Brazil’s society, economy and politics since the Independence. A national-dependent interpretation. Three historical cycles of the relation state-society: State and Territorial Integration Cycle (1822-1929), Nation and Development Cycle (1930-1977) and Democracy and Social Justice Cycle (1977-2010). Crisis since then. (Book: Lynne Rienner Publishers)

Mais informações

Macroeconomia Desenvolvimentista

2016. With José Luis Oreiro e Nelson Marconi. Our more complete analysis of Developmental Macroeconomics – the central economic theory within New Developmentalism. (book)

Mais informações

O império sem rumo

Luiz Carlos Bresser-Pereira

Nota no Facebook, 3.6.2017

O Império por Hegemonia é um sistema de dominação chefiado pelos Estados Unidos, que tem como membros os demais países ricos, como súditos os países em desenvolvimento exceto alguns países como a China, a Índia e o Irã, que possuem uma identidade nacional suficientemente forte para rejeitar a ocupação de seus mercados. Os especialistas em relações internacionais não rejeitam o caráter imperial do “Oeste” – o nome que, por exemplo, o The Economist, dá ao império. Recusam, naturalmente, que suas recomendações e pressões – a ortodoxia econômica liberal – causem prejuízo aos países em desenvolvimento. E justificam a dominação com o argumento que o sistema global precisa de um líder que garanta seu funcionamento, esse líder sendo os Estados Unidos – o “bom hegemon”. Lembro e aqui resumo essas considerações ideológicas imperiais, ao ver a completa desorientação dos Estados Unidos sob o comando do presidente Donald Trump. Uma desorientação que mostra quão patético é o argumento de que o mundo precisa de um líder e de sua ortodoxia liberal. Trump rejeita essa ortodoxia – e nisto está certo – mas nada tem a oferecer em troca a seu povo e ao mundo. Defende apenas um nacionalismo econômico que, vindo do Império, é apenas uma forma brutal de imperialismo que não interessa a ninguém, nem mesmo aos Estados Unidos.
  


Fale conosco: ceciliaheise46@gmail.com